Mau hálito

O mau hálito, também conhecido como halitose, é um odor desagradável exalado pela boca e quando presente causa constrangimento para quem tem e para quem sente. Por não ser comum conseguir sentir o próprio hálito, vem à pergunta: Como anda o seu? Você realmente sabe se tem ou não mau hálito? Confira no post de hoje o que causa o mau hálito e saiba como livrar-se desse problema.

Como saber?

Quem está com mau hálito não percebe o odor inconveniente que exala, por isso, se um amigo ou parente tiver intimidade o bastante para avisar, acredite nele. E desconfie se seus colegas se afastam ou fazem caretas ao falar muito próximo a você. Essas são as únicas maneiras de saber que você pode estar com mau hálito.

Diagnóstico

O diagnóstico definitivo será feito por um profissional. Por isso, ao desconfiar da presença da halitose, procure primeiramente um Dentista, uma vez que as principais causas estão na boca. Se a causa estiver relacionada à sua saúde geral, o Dentista o encaminhará para um médico. Ambos os profissionais farão a avaliação do seu histórico médico e dentário e pedirão exames clínicos. Em casos mais específicos, o profissional poderá realizar a medição da halitose.

Medir o mau hálito?

Sim. Essa medição é feita através de um aparelho chamado halímetro que avalia a quantidade de odor de enxofre contida no hálito dentro de uma escala que varia de 1 a 4, sendo 4 o indicativo da presença de halitose e 1 a ausência do problema.

Causas

São muitas as causas possíveis para a presença do mau hálito e a maioria (entre 90% e 95% dos casos) é de origem bucal. O mau hálito acontece principalmente pela falta de higiene bucal que provoca saburra lingual, cárie, acúmulo de placa e tártaro, gengivite (inflamação da gengiva) e periodontite (infecção no osso de suporte dos dentes); quando não tratados, todos esses problemas podem causar mau hálito.

As causas de origem extrabucal são mais raras e podem estar relacionadas a doenças como sinusite, amidalite, diabetes não compensado, infecção da garganta ou pulmão, insuficiência renal, intestinal ou hepática, problemas gastrointestinais, etc.

Outros fatores que podem ser determinantes são a diminuição do fluxo salivar, jejum prolongado, respiração pela boca, infecções de garganta, fumo, ingestão de certos alimentos e álcool.

Como você pode ver, os causadores da halitose são os mais variados e ela pode indicar a presença de outros problemas e doenças, principalmente bucais. Procure seu Dentista para avaliação e orientações.

TratamentoO tratamento só poderá ser feito após o profissional descobrir o principal causador do mau hálito. Como a maioria dos casos é de origem bucal, o dentista informará o melhor tratamento para eliminar os problemas que estão afetando sua boca e consequentemente sua halitose. Mas lembre-se, tratando-se de mau hálito, manter a higiene bucal em dia é sempre um bom começo.

 

Compartilhe sua experiência, tire suas dúvidas e deixe seu comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s